3.29.2011

ROTEIRO DA SEMANA

Air Supply Liderado pelo guitarrista Graham Russell e pelo cantor Russell Hitchcock, o grupo australiano criado nos anos 70 ganhou notoriedade depois que Rod Stewart os convidou para abrir um de seus shows nos Estados Unidos. Em turnê comemorativa dos 30 milhões de cópias vendidas, Russell e Hitchcock relembram suas baladas progressivas. Entre as mais conhecidas estão Lost in Love, I Can Wait Forever, The One that You Love e Sweet Dreams. 16 anos. Vivo Rio (4 500 lugares). Avenida Infante Dom Henrique, 85, Aterro do Flamengo, 2272-2900. Sábado (2), 22h. R$ 120,00 (setor 3) a R$ 220,00 (camarote e setor vip). Bilheteria: 12h/21h (seg. a sex.); a partir de 12h (sáb.). Estac. c/manobr. (R$ 15,00). IR. www.vivorio.com.br.

Ana Clara Horta Com produção de Mário Moura, do Monobloco, Órbita é o disco de estreia da jovem cantora e compositora. De voz aveludada, Ana faz uma MPB de leve acento pop. Ela apresenta repertório próprio na companhia de Pitito (bateria), Igor Araújo (baixo e voz) e Fernando Caneca (guitarra, violão e voz). 18 anos. Espaço Cultural Sérgio Porto (250 lugares). Rua Humaitá, 163, Humaitá, 2266-0896. Quinta (31), 21h. R$ 30,00.

Arícia Mess À vontade ao misturar tropicalismo, música pop e outras referências, a cantora e compositora de visual extravagante e voz aveludada lança seu segundo disco em mais de duas décadas de carreira. Onde Mora o Segredo tem cinco faixas próprias. Entre as releituras estão Black Is Beautiful (Marcos e Paulo Sergio Valle) e Dengue (Leci Brandão). Arícia sobe ao palco na companhia de João Paulo Deogracias (baixo), Bruno Silveira (bateria), Maurício Caruso (guitarra) e Carlos Trilha (teclados). 16 anos. Espaço Sesc (242 pessoas). Rua Domingos Ferreira, 160, Copacabana, 2547-0156. Sexta (1º) e sábado (2), 21h. R$ 16,00. Bilheteria: 15h/19h (ter. a qui.); a partir de 15h (sex. e sáb.). www.sescrio.org.br.

Avenged Sevenfold Com seu hard rock furioso, o quarteto californiano conquistou um disco de platina, pelas vendagens de City of Evil (2005), e chegou ao topo da parada da revista Billboard, nas categorias alternativa, hard e rock, em 2007, com disco homônimo. Em turnê para mostrar o terceiro disco de estúdio, Nightmare, os rapazes de nomes artísticos engraçadinhos — M. Shadows, Zacky Vengeance, Synyster Gates e Johnny Christ — desembarcam na cidade para mostrar sucessos antigos e alguns do novo disco, como a faixa-título e Welcome to the Family. 15 anos. Citibank Hall (8 432 pessoas). Avenida Ayrton Senna, 3000 (Shopping Via Parque), Barra. Informações, 0300 7896846 (9h/21h). Sábado (2), 22h. R$ 140,00 (pista) a R$ 250,00 (pista premium e camarote). Bilheteria: 12h/20h (seg. a sex.); a partir das 12h (sáb.). Cc: todos. Cd: R e V. TM.

Boys Like Girls
Formado pelos jovens Martin Johnson (vocal e guitarra), Paul DiGiovanni (guitarra), Bryan Donahue (baixo) e John Keefe (bateria), o grupo de Boston tem um fiel séquito de fãs adolescentes. Eles fazem um punk rock melódico com influências de Green Day. No repertório da apresentação estão os hits The Great Escape, Hero/Heroine e Thunder. Os brasileiros da Caps Lock fazem o espetáculo de abertura. 16 anos. Vivo Rio (4 500 lugares). Avenida Infante Dom Henrique, 85, Aterro do Flamengo, 2272-2900. Domingo (3), 19h. R$ 140,00 (pista) a R$ 240,00 (camarote A). Bilheteria: 12h/21h (seg. a sáb.); a partir de 12h (dom.). Estac. c/manobr. (R$ 15,00). IR. www.vivorio.com.br.

Carioca Samba Jazz
Em clima de baile, jovens talentos da música instrumental — Antonia Adnet (voz e violão), Joana Adnet (voz e clarineta), Ricardo Rito (piano), Pedro Mangia (baixo), Antonio Neves (bateria), Yuri Villar (sax tenor/flauta), Aquiles Moraes (trompete e flugel) e Everson Moraes (trombone) — reverenciam os mestres João Donato, Tom Jobim, Baden Powell, Duke Ellington e Dominguinhos. 18 anos. Lapinha (100 lugares). Avenida Mem de Sá, 82, Lapa, 2507-3435. Quinta (31), 21h30. R$ 12,00. www.lapinha-rio.com.br.

Cristina Renzetti Inspirada pela MPB, a cantora italiana mostra o trabalho autoral que tem influência do cancioneiro dos dois países. 18 anos. Lapinha (100 lugares). Avenida Mem de Sá, 82, Lapa, 2507-3435. Quarta (30), 21h30. R$ 20,00. www.lapinha-rio.com.br.

Delia Fischer
Depois de mais de uma década dedicada aos musicais — fez a orquestração de 7, O Musical e de Beatles num Céu de Diamantes, ambos da dupla Charles Möeller e Claudio Botelho —, a pianista e cantora apresenta o repertório próprio do CD Presente. Na quarta (30), a percussionista Lan Lan faz uma participação. Na quinta (31), a vez é do violoncelista Lui Coimbra. Nos dois dias, Delia terá ao seu lado Pedro Guedes (baixo, violão, teclado e charango), Pedro Mibielli (violino) e Naife Simões (percussão e programação eletrônica). Livre.
Centro Cultural Justiça Federal (142 lugares). Avenida Rio Branco, 241, Centro, 3261-2555, a Cinelândia. Quarta (30) e quinta (31), 19h. R$ 30,00.

Fernando Merlino
Requisitado pianista, Merlino lança o disco Serestas Brasileiras, com composições de Lamartine Babo, Custódio Mesquita, Mario Lago e outras feras que fizeram sucesso na primeira metade do século passado. O programa será executado por uma formação que inclui, além do piano, dois violinos, viola e violoncelo. Livre. Sala Baden Powell (508 lugares). Avenida Nossa Senhora de Copacabana, 360, Copacabana, 2255-1067, a Cardeal Arcoverde. Sábado (2), 20h. R$ 20,00.

Gilson Peranzzetta e Mauro Senise Parceiros de longa data, o pianista e o flautista apresentam o espetáculo Linha de Passe. Além da música de João Bosco, Aldir Blanc e Paulo Emilio que batiza o show, o repertório traz composições de Nelson Cavaquinho, Pixinguinha e Dorival Caymmi. 14 anos. Centro Cultural Ibeu (110 lugares). Avenida Nossa Senhora de Copacabana, 690, 11º andar, Copacabana, 3816-9400, a Siqueira Campos. Quinta (31), 19h. Grátis. Distribuição de senhas uma hora antes.

Jeff Gardner
Estudioso da música brasileira, o pianista e compositor nova-iorquino é fã dos ritmos regionais e costuma incluir baião e afoxé em suas apresentações. Na companhia do baixista Adrian Barbet e do baterista Teo Lima, apresenta o repertório do CD Abraços. Livre. Sala Baden Powell (508 lugares). Avenida Nossa Senhora de Copacabana, 360, Copacabana, 2255-1067, a Cardeal Arcoverde. Sexta (1º), 20h. R$ 20,00.

Karla Silva No show Festejo e Fé, a cantora explora caminhos da música popular que levam a sambas, jongos e ijexás, entre outros ritmos afro-brasileiros. Karla se apresenta ao lado de Ralphen Rocca (violão), Rodrigo Ferreira (baixo), Nelson Freitas (piano), Felipe Tauil e Nando Ferreira (percussão). 18 anos. Lapinha (100 lugares). Avenida Mem de Sá, 82, Lapa, 2507-3435. Sábado (2), 21h30. R$ 12,00. www.lapinha-rio.com.br.

Lucas Santtana
O violonista e compositor é a segunda atração da série Tabuleiro BA, que tem por objetivo mostrar que nem só de axé music vive a produção musical contemporânea da Bahia. Do excelente disco Sem Nostalgia (2009) ele pinçou três composições: Hold Me In, Amor em Jucumã e Cira, Regina e Nana. Músicas de seus outros três CDs completam o repertório. Com participação do guitarrista Robertinho Barreto. Livre. Teatro II do CCBB (155 lugares). Rua Primeiro de Março, 66, Centro, 3808-2020. Terça (29), 12h30 e 19h. R$ 6,00. Bilheteria: a partir das 10h (ter.). www.bb.com.br/cultura.

Mariano Marovatto
Dono de uma surpreendente versão para Não Tem Lua, de Durval Lelys, do Ásia de Águia, o cantor e compositor apresenta as nove faixas de Aquele Amor Nem Me Fale, das quais sete são próprias. Ele faz uma mistura de pop e MPB em voga na atual cena musical carioca. Sobe ao palco ao lado de Alice Sant’anna (teclado e vocal), Daniel Macacchero (guitarra e violão), Papel (baixo e guitarra) e Fabiano Ribeiro (bateria). 14 anos. Solar de Botafogo (160 lugares). Rua General Polidoro, 180, Botafogo, 2541-1941. Quarta (30), 22h. R$ 40,00.

Mu Chebabi
O cantor e compositor apresenta as músicas de seu segundo disco, Uma Coisa É uma Coisa, Outra Coisa É Outra Coisa. Nas faixas, experimenta novos sons e batidas sem se esquecer do humor, presente na sua carreira desde os tempos como diretor musical do grupo Casseta & Planeta. Estão garantidas algumas parcerias com Bussunda, Cláudio Manoel e Hélio de La Peña. 18 anos. Lapinha (100 lugares). Avenida Mem de Sá, 82, Lapa, 2507-3435. Sexta (1º), 21h30. R$ 20,00. www.lapinha-rio.com.br.

Pedro AmorimRequisitado bandolinista, Amorim lidera a roda, da qual participam alunos da Escola Portátil de Música, na estreia do projeto Choros de Outono. Eles apresentam clássicos do gênero no segundo fim de semana de funcionamento do recém-inaugurado quiosque do CCBB. No domingo (3), a partir de 17h, o cultuado Jorginho do Pandeiro ministra oficinas de pandeiro. As duas programações ficam em cartaz durante todo o mês de abril. Livre. Quiosque do CCBB. Avenida Atlântica, quiosque 17 (na altura da Rua Siqueira Campos), Copacabana, a Siqueira Campos. Sábado (2), 18h.

Revelação
Revelado nas rodas de samba da Abolição e do Engenho de Dentro, o grupo formado por Xande de Pilares (voz e cavaquinho), Sérgio Rufino (pandeiro), Rogerinho (tantã), Beto Lima (violão), Artur Luís (reco-reco) e Mauro Júnior (banjo) lança o DVD Ao Vivo no Morro 2. No repertório estão sucessos como Saudade do Amor, O da Questão e Greve de Amor, além de regravações para Djavan, Fundo de Quintal e Tim Maia. 15 anos. Citibank Hall (8 432 pessoas). Avenida Ayrton Senna, 3000 (Shopping Via Parque), Barra. Informações, 0300 7896846 (9h/21h). Sexta (1º), 22h30. R$ 50,00 (pista) a R$ 140,00 (camarote e setor vip). Bilheteria: 12h/20h (seg. a qui.); a partir das 12h (sex.). Cc: todos. Cd: R e V. TM. www.citibankhall.com.br.

Sanfoneando
Formado especialmente para a série em homenagem ao acordenonista Sivuca e liderado pela violinista Ana de Oliveira, o Quarteto Sivucordas divide o palco com Marcelo Caldi (acordeão) e Fábio Luna (flauta). Participação da cantora Adryanna BB. Livre. Estacionamento do CCBB (600 pessoas). Rua Primeiro de Março, 66, Centro, 3808-2020. Sábado (2) e domingo (3), 18h. Grátis.

Scott Feiner
Em sua primeira visita ao país em 1999, o então guitarrista nova-iorquino que na infância sonhava em ser baterista se encantou pelo pandeiro. Abandonou as cordas da guitarra para desenvolver interessante trabalho de inclusão do instrumento de percussão num quarteto de jazz. Desta vez na companhia apenas de Rafael Vernet (piano) e de Daniel Santiago (guitarra), Feiner apresenta o repertório do recém-lançado Accents. 14 anos. Solar de Botafogo (160 lugares). Rua General Polidoro, 180, Botafogo, 2541-1941. Terça (29), 22h. R$ 40,00.

Selton e Convidados Em turnê pelo país, o quarteto gaúcho tem trajetória improvável. Ramiro Levy, Eduardo Stein, Ricardo Fishman e Daniel Plentz passavam uma temporada em Barcelona e decidiram tocar versões de Beatles no Parque Guell, para ganhar algum trocado. Um produtor da MTV italiana viu, gostou e os convidou para gravar um disco em Milão. O indie rock de Banana à Milanesa (2008), com canções em português e em italiano, foi bem recebido pela crítica de lá e hoje eles estão em turnê com o segundo disco, batizado com o nome da banda. Na mesma noite sobem ao palco os cariocas do Os Outros e os conterrâneos do Dingo Bells. 18 anos. Teatro Odisseia (600 pessoas). Rua Mem de Sá, 66, Lapa, 2266-1014. Quinta (31), 21h. R$ 20,00. www.matrizonline.com.br.

Mariana Baltar
A cantora abre espaço na agenda de espetáculos dedicados a seu segundo disco para homenagear ao vivo três centenários mestres da música brasileira: Nelson Cavaquinho (1911-1986), Assis Valente (1911-1958) e Pedro Caetano (1911-1992). À frente de um quinteto, Mariana também recebe convidados, como o violonista Zé Paulo Becker. 18 anos. Centro Cultural Carioca (200 lugares). Rua do Teatro, 37, Centro, 2252-6468, a Carioca. Quinta (31), 20h. R$ 25,00.

Soraya Ravenle
Dedicado à obra de Paulo César Pinheiro, Arco do Tempo é o primeiro disco-solo da cantora e atriz em 25 anos de carreira. No repertório entram oito inéditas do compositor, entre as quais Carta Branca, parceria com Baden Powell (1937-2000) resgatada de uma gravação caseira. A voz irretocável da intérprete ganha a companhia de Alfredo Del-Penho (violão), Vitor Gonçalves (sopro, teclado e percussão), Carlos César Motta e André Vercelino (percussão). 16 anos. Espaço Sesc (280 pessoas). Rua Domingos Ferreira, 160, Copacabana, 2547-0156. Terça (29) e quarta (30), 19h. R$ 16,00. Bilheteria: a partir de 15h/19h (ter. e qua.). www.sescrio.org.br.

Um comentário:

Pablo disse...

LEGAL O BLOG! JÁ SOUS EGUIDOR! SIGA O MEU TAMBÉM!

pablocalor.blogspot.com